O old school e o video game


Esses dias estava pensando no assunto que eu publiquei neste post aqui sobre old school vs new school RPG e cheguei à uma analogia muito interessante. O RPG evoluiu mais ou menos como o video game. No começo os video games eram muito simples, com gráficos feios, musiquinhas simples e apenas 1 ou dois botões, mas haviam jogos que eram de um nível de dificuldades que não se vê hoje. Com a evolução dos consoles, os gráficos foram melhorando até chegar aos 1080p, o som perfeito, o controle com uma dúzia de botões, mas juntamente ocorreu um outro fenômeno. Os jogos têm save e você pode voltar do último checkpoint se você morrer, a dificuldade foi diminuindo gradativamente.

Com os RPGs ocorreu algo semelhante. Os livros foram ficando mais bonitos, com o interior colorido, as técnicas de impressão melhoraram absurdamente. Os livros agora têm capa dura, versões de luxo, etc. Os sistemas evoluíram para o odioso new school cheios de skills e feats e magias para resolver todos os enigmas e dificuldades para o jogador, e o jogo ficou fácil.

Eu faço um desafio à qualquer um que se ache gamer: Zere o Maniac Miner sem cheats, com as 3 vidas iniciais, sem continue, sem saves, etc, como nós fazíamos na década de 80!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Call of Cthulhu 7ª edição em português em FC!

Sistemas de RPG parte 1: Dados

RPGs de Zumbis parte 1